Senac

Rio Grande do Sul

Artigo

Sorte ou dedicação?

por Professor Marcos Echevarria - Docente da Fatec Pelotas

É muito comum focarmos mais nos resultados do que na preparação para os mesmos. Eu sempre escutei uma frase sobre nós brasileiros que dizia: “Brasileiro não gosta de esporte, gosta de vencer”. Isso é engraçado porque na prática é exatamente isso, não gostamos de praticar diariamente um esporte, gostamos é de entrar em campo e ganhar seja onde for. Como conseguir resultados sem prática?

Imaginem correr uma maratona sem nunca ter praticado. É praticamente impossível. Correr uma maratona exige preparo físico, equipamentos apropriados, um estilo de corrida adequado ao seu corpo, preparação física e mental e, então, podemos começar a correr meias maratonas, depois maratonas inteiras e assim por diante. Agora, se mudarmos o fim, a preparação será praticamente a mesma. Vamos imaginar como nos tornamos bons programadores.

Primeiro, precisamos conhecer uma linguagem de programação, depois precisamos de equipamentos apropriados, um estilo de programar adequado ao seu conhecimento, preparação mental e, então, começamos a desenvolver softwares de baixa complexidade, depois desenvolvemos softwares de média complexidade até conseguirmos desenvolver softwares de grande complexidade. Podemos ver que independente fim, para atingirmos resultados relevantes é necessário preparação.

É necessário estudo, prática, foco, e, principalmente, continuidade no trabalho. Ser um maratonista de alto nível ou ser um programador de alto nível exige muita dedicação. Somos brasileiros, gostamos de vencer, mas se dependermos da sorte a chance de vencermos é baixa, quanto mais preparados estivermos, menor será o peso da sorte no resultado final e maior será nossa chance de vitória. Quer vencer? Prepare-se. 

Serviços
Institucional
Contato
Top of mind 2018
Top de marketing ADVB 2018
Great Place to Work 2018
Top Ser Humano 2018
Nós apoiamos o Pacto Global
Melhores em Gestão 2018